Índice Nacional de Preços da Motelaria 2017

2017 trouxe muitas mudanças para a economia. Depois de um longo tempo em crise, o país pôde, finalmente, enxergar o fim da recessão. Embora a moeda esteja girando com mais força, ainda há muito que fazer para estabilizar o país e partir rumo ao crescimento.

Para se ter uma ideia, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) encerrou o ano em 2,5%, menor índice desde 1998. Já o Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM) fechou  2017 com números ainda mais baixos, em deflação de – 0,53%.

Na edição 2017 do INPM (Índice Nacional de Preços de Motelaria) é possível observar que o ano rendeu pouca variação de preços ao mercado. A maior delas, de 6%, aconteceu na região de Florianópolis.

O índice, que existe desde 2014, apresenta a média de valores das suítes mais baratas e mais caras praticadas pela motelaria, bem como a variação de preços nas principais capitais do país.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *